publicidade

publicidade

Engenharia da Mobilidade


engenhariadamobilidade-guia-das-engenharias

+ O que é o curso?

A engenharia da mobilidade é voltada para o planejamento e logística da área dos transportes e também para a projeção e construção de estradas. O curso está voltado ainda para a manutenção da infraestrutura rodoviária, e também portuária e ferroviária. Com um campo de atuação amplo, é um curso que se tornou essencial devido à grande importância de tornar a mobilidade mais eficaz, principalmente nas grandes cidades.

Estes profissionais se diferenciam de engenheiros civis e mecânicos pois continuam envolvidos continuamente nas operações e processos relacionados aos meios de transporte e à eficiência móvel, enquanto que os engenheiros civis e mecânicos geralmente finalizam seu trabalho com a entrega de seus produtos aos consumidores ou operadores.

+ As atividades do profissional

O profissional pode atuar tanto em operações portuárias, como também na área do transporte rodoviário ou ferroviário. Será responsável por obras de fluidez, por projetar e construir vias, cuidar do gerenciamento do tráfego urbano e da sinalização nas ruas e monitorar as operações de transportes. O engenheiro da mobilidade também poderá trabalhar em empresas de construção civil relacionadas a obras e transporte, e na indústria automotiva, na projeção e construção de veículos, assim como na construção de aeronaves e navios.

engenhariadamobilidade2-guia-das-engenharias.jpg

+ As matérias do curso

A base curricular do curso de Engenharia da Mobilidade tem muitas matérias comuns a outros cursos de engenharia, como física, matemática e química, com disciplinas específicas, como termodinâmica, estatística, desenho aplicado, fundamentos em engenharia da mobilidade e gestão de projetos em transporte, planejamento logístico, controle de tráfego e transporte de carga.

O curso tem duração de 5 anos, com estágio curricular e trabalho de conclusão de curso. Há variações nos cursos, como por exemplo, o Curso Interdisciplinar em Mobilidade da Universidade Federal de Santa Catarina, em que são necessários três anos para o aluno obter o diploma de bacharel interdisciplinar, e depois optar por um curso de mais dois anos associado à mobilidade, como Engenharia Automotiva ou de Infraestrutura, e obter novo diploma de bacharel.

+ O mercado de trabalho

Em cidades com cada vez mais veículos, sejam carros, ônibus ou caminhões, o mercado para os engenheiros da mobilidade está em alta. Por ser uma área recente, ainda há forte demanda por profissionais habilitados. As construções de novas estradas e as renovações da infraestrutura de transportes também ajudam a acelerar a contratação de profissionais desta área.

engenhariadamobilidade3-guia-das-engenharias.jpg

+ Faculdades com o curso

Algumas das Universidades com o curso de Engenharia da Mobilidade (que também pode ser denominado de Engenharia Civil da Mobilidade ou Engenharia dos Transportes):

  • Universidade Federal de Itajubá (Unifei), em Minas Gerais

  • Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), na cidade de Joinville

  • Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG), na cidade de Anápolis

Referências: Globo Universidade, Guia do Estudante, Portal Acadêmico Unifei, Brasil Escola

 

 

 

 

 

 


publicidade

publicidade