publicidade

publicidade

Lâmpada ecológica de algas não usa energia elétrica e limpa o ar


Algas verdes brilhantes são utilizadas para iluminar ambientes por meio de uma lâmpada ecológica que, além de dispensar o uso de energia elétrica, limpa o ar. O conceito foi criado pelo bioquímico francês Pierre Calleja, com a proposta de substituir equipamentos comuns em espaços públicos.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Com uma eficiência incrível, essa lâmpada funciona por meio da fotossíntese das algas, que produzem energia e luminosidade através de um processo natural, ou seja, elas utilizam o sol e a luz para dar o efeito brilhante que é capaz de deixar ambientes enormes mais claros, como praças, garagens, entre outros locais. Além disso, ainda pode limpar o ar, absorvendo gases poluentes de forma impressionante.

Essa é a principal ideia do pesquisador, visando a economia na substituição de lâmpadas tradicionais – que usam energia elétrica – por essa lâmpada ecológica. O projeto é gerenciado pela empresa Fermentalg. Saiba mais detalhes aqui. Uma ótima ideia para qualquer ambiente e para gastar pouco, não é?

Foto: Divulgação
A lâmpada ecológica de algas pode ser usada em ruas e espaços públicos | Foto: Divulgação

Referência: Ciclo Vivo


publicidade

publicidade

  • Matheus Rocha Cardoso

    […]”ou seja, elas utilizam o sol e a luz para dar o efeito brilhante que é capaz de deixar ambientes enormes mais claros” Eu não entendi. É uma lâmpada para ambientes que já se encontram iluminados? Se quer mesmo substituir a iluminação pública por essa alternativa, ela precisa funcionar à noite. Não somente durante o dia.