publicidade

publicidade

10 Curiosidades sobre as obras da Copa do Mundo 2018


A Rússia sediará o campeonato em 11 cidades entre 14 de junho e 15 de julho. A competição atrai pessoas de todas as nacionalidades. Só para você ter uma ideia, nesta copa já foram vendidos 72.512 tickets a brasileiros que pretendem ver seu time favorito ao vivo. Já deu para perceber que teremos nossa parcela de otimistas por lá, não é mesmo? E você já parou para se perguntar como andam as obras da Copa do Mundo 2018?

É fato que toda copa do mundo gera muitas obras, algumas de construção e outras de reforma. E é fato também que temos muitas dúvidas sobre como todos esses projetos funcionam. Foi justamente para sanar as suas dúvidas que listamos 10 curiosidades sobre as obras da Copa do Mundo 2018, confira:


  1. Quantos estádios foram construídos e quantos foram reformados?

    Ao todo, 12 estádios serão as estrelas da Copa do Mundo 2018, 4 deles foram reformados e 8 foram construídos do zero, o que promete tecnologias de ponta para a competição.

    Obras da Copa do Mundo 2018 - Rússia
    Obras da Copa do Mundo 2018 – Rússia
  2. Algum trabalhador morreu durante as obras da Copa do Mundo 2018?

    Um sistema de monitoramento proporcionou melhorias nas condições de trabalho e contribuiu na redução dos riscos para os trabalhadores da construção civil por lá. Porém há muitos relatos de que trabalhadores foram explorados. Dezessete morreram.

  3. Existe alguma ameaça aos gramados?

    O Ministério da Agricultura da Rússia expressou preocupação quanto à ação de gafanhotos nos gramados (uma praga por lá).

  4. Houve algum investimento em infraestrutura para os transportes durante a Copa do Mundo 2018?

    A realização da Copa da Rússia exigiu a disponibilização de 495 novos trens, os torcedores com ingresso da copa terão direito à passagem gratuita, uma enorme vantagem considerando as grandes distâncias.

    Obras da Copa do Mundo 2018 - Rússia

  5. Qual será o futuro dos estádios após a realização da Copa do Mundo 2018?

    Assim como no Brasil a Rússia também não sabe o futuro de alguns dos estádios depois da Copa. Alguns ficam em cidades sem times da primeira divisão do futebol russo.

  6. Algum estádio será “flexível”?

    A arena Ecaterimburgo conta com arquibancadas extras para aumentar a capacidade e após a copa elas serão desmontadas.

  7. Houve algum atraso nas obras da Copa do Mundo 2018?

    Ficou prometido que o país entregaria todos os estádios até dezembro de 2017. No entanto, a seis meses do início da copa, 6 dos 12 estádios estavam atrasados e sem data para a inauguração. Muitas obras atrasaram devido ao inverno rigoroso, havia neve nos canteiros de obra até o começo de abril.

    Spartak Stadium
    Obras da Copa do Mundo 2018 – Rússia
  8. Foi feito algum projeto especial pelo fato de a Copa do Mundo 2018 ser sediada na Rússia?

    O frio de algumas regiões exigiu a instalação de máquinas de aquecimento nos estádios, a fim de manter o gramado em ótimo estado.













    Luzhniki Estadium
    Obras da Copa do Mundo 2018 – Rússia
  9. Qual foi o custo com as obras da Copa do Mundo 2018?

    Com gastos de US$ 13,2 bilhões (R$ 42,6 bilhões), o Mundial de 2018 será o mais caro da história.

    Desta forma, a Rússia gastará mais do que o Brasil gastou na Copa de 2014. Um relatório divulgado pelo  TCU –  Tribunal de Contas da União, confirmou um custo total de R$25,5 bilhões.

  10. Algo inusitado chamou a atenção do público?

    Na reta final a reforma na arena Ecaterimburgo  causou estranheza na população que viu surgir setores de arquibancadas totalmente fora da cobertura, com total exposição à ação da chuva e do sol.

    Ekaterinburg arena
    Obras da Copa do Mundo 2018 – Rússia

  • Dica extra do Blog da Engenharia:
    Quer acompanhar a programação de jogos da copa? A Fifa te ajuda!

——

Imagens: Fifa

Adaptação de Texto Fifa e Globo esporte.


publicidade

publicidade