publicidade

publicidade

Afinal, quais os tipos de concreto considerados ecológicos?


A indústria da construção civil é uma das maiores responsáveis pela emissão de CO² na atmosfera. Esse é um dos gases mais perigosos já produzidos pela humanidade. Ele afeta severamente a estrutura da camada de ozônio e a consequência é o aumento do efeito estufa. Em combate ao possível aquecimento global, cientistas do mundo todo têm pesquisado processos construtivos menos danosos ao meio ambiente e um dos exemplos é a produção do concreto tipo ecológico.

(imagem extraída de Sistemas Inteligentes TI)

+ O que vem a ser Concreto Ecológico?

A necessidade de reduzir as emissões de carbono também chegou a terras brasileiras – o país considerado como um dos dez maiores produtores de gás do mundo. Arquitetos e engenheiros civis, tanto em território nacional quanto internacional, vêm debatendo sobre o uso excessivo do concreto, o que tem provocado mudanças na produção e uso do material. Afinal, é chegada a hora de a construção civil mostrar-se mais consciente e adaptada às necessidades do planeta.

Pesquisas como a dos professores Eduardo Fairbairn e Romildo Toledo, do Departamento de Engenharia Civil da UFRJ, têm apontado um novo caminho para os projetistas através do uso de produtos ecologicamente mais corretos. Há tantos materiais desconsiderados ou inadequadamente descartados pela indústria que poderiam, sim, complementar a mistura do concreto tradicional. Essa é a alternativa economicamente mais viável e pouco divulgada no mercado interno. Um exemplo é a substituição de certa quantidade de cimento comum, usado na preparação da massa, por cimento usado, que volta da obra no próprio caminhão betoneira – chamado de concreto reciclado.


Veja Também: Sabia que o concreto pode ser reciclado? Descubra como!


(imagem extraída de Eco Concretos)

+ Materiais que podem compor o Concreto Ecológico

O traço do concreto pode ser constantemente modificado, dependendo do acréscimo de novos materiais ou produtos químicos. O concreto do tipo ecológico pode receber, em sua mistura, outros materiais no lugar da pedra britada. São exemplos as partículas vegetais, como cascas de arroz, bagaços de cana-de-açúcar, resíduos de bambu e serragem. Também é opção os resíduos industriais ou sobras de obras, como borracha de pneus, cinzas geradas pela queima do carvão mineral, areia de fundição, aço, objetos cerâmicos ou pó telhas.

(imagem extraída de Steven Lybeck em Flickr)

O importante é que o novo agregado seja tão resistente e durável quanto o que seria utilizado numa mistura convencional – mas, é claro, mais adequado à preservação ambiental. Reciclar é destinar algo que chegou ao final de seu ciclo de vida e que não poderia sofrer um descarte comum, pois seria nocivo ao meio. Com o concreto ecológico, dá-se uma nova utilização a certos materiais. Isso é sinônimo de economia financeira e também de recursos naturais, algo benéfico tanto para o bolso dos empresários quanto para a natureza.

(imagem extraída de Dana)
(imagem extraída de Cimento Itambe)

+ Os benefícios do uso do Concreto Ecológico

Alguns tipos de concreto ecológico, desenvolvidos por pesquisadores, têm chamado à atenção acerca do seu custo final, versatilidade e eficiência. Infelizmente, sabe-se que eles não podem – ainda – serem empregados em elementos estruturais. Também não há normas específicas no mercado para a padronização de produtos. Mas eles vêm sendo utilizados em obras públicas, aplicados em meio-fios, calçadas e guard rails.

O concreto ecológico sempre fornece muito benefícios, em vários sentidos. Um deles é a absorção de impactos. Outro é a drenagem da água das chuvas – alguns deles apresentam esta característica, de ser permeável. Um exemplo é a pavimentação desenvolvida no México, nos anos 90, o Ecocreto – que é composto de pedras, água, cimento e aditivo especial; que apresenta alta resistência à compressão, flexão e desgaste.

(imagens extraídas de Rhino Pisos e Ecoland Scaping)

Veja mais informações sobre o concreto ecológico assistindo ao vídeo a seguir:

Fontes: Campo Grande NewsHoje AprendiMapa da ObraFrag Maq.


Leia Também:

BDE Explica: como funciona o concreto autocurativo?

Concreto Biológico: o próximo passo da Arquitetura Sustentável

Pesquisadores desenvolvem concreto eco-friendly resistente a terremotos

Conheça 3 novas estratégias de construção com materiais alternativos


publicidade

publicidade