publicidade

publicidade

BDE Review: nossas impressões sobre o novo Peugeot 2008


Existem carros que possuem o desempenho como diferencial. Outros, a resistência e a vendabilidade. A Peugeot é uma das marcas que tem todas essas qualidades agregadas a um design inovador. Prova disso é o SUV compacto Peugeot 2008 que o Blog da Engenharia recebeu para testes e que chega ao mercado tendo como principal novidade a introdução da nova transmissão automática de seis marchas.

 

Foto: Eduardo Mikail (@eduardomikail).

O SUV Peugeot 2008 possui uma condução diferenciada, graças ao PEUGEOT i-Cockpit®. O volante Sportdrive de dimensões reduzidas possui um revestimento em couro e aplique cromado que conferem um toque sofisticado, enquanto suas dimensões reduzidas garantem ao motorista melhor visibilidade do painel elevado.

 

Foto: Eduardo Mikail (@eduardomikail).

Ele traz também uma nova central multimídia, mais funcional, com respostas mais rápidas e melhor resolução de imagem. A tela, que agora é capacitiva, conta com gestos “multitouch” – dois dedos para zoom em mapas ou três dedos para acessar rapidamente o menu principal.

O sistema Grip Control é outro diferencial desse SUV, disponível dependendo do modelo. Nele você pode selecionar o modo de controle eletrônico de tração de acordo com o tipo de terreno. São cinco diferentes ajustes (desligado, normal, barro, areia, neve). Esse sistema, que é exclusivo e patenteado pela Peugeot, age diretamente nas rodas dianteiras, otimizando a tração de forma independente para superar os desafios que você encontrar pela frente.

Grip Controlé (Créditos: carros.peugeot.com.br).
Grip Controlé (Créditos: carros.peugeot.com.br).

O novo câmbio automático de 6 velocidades garante maior conforto com troca de marchas mais suaves e melhor aproveitamento dinâmico. O mais moderno câmbio automático do mercado conta com 4 modos diferentes de condução: Drive (ajuste convencional, para quem mantém velocidade constante), Sport (deixa o carro mais ágil e dinâmico, explorando rotações mais elevadas), ECO (para maior economia de combustível) e Sequencial (para trocas manuais).

Esse câmbio é fornecido pela japonesa Aisin, sendo uma unidade de terceira geração. Esse câmbio equipará as versões Allure e Griffe. Além disso, melhora a eficiência, trazendo mais desempenho com menor consumo, como de fato ficou comprovado pelos dados do INMETRO, em que o Peugeot 2008 AT6 consome mais que o AT4 apenas em cidade, com gasolina, sendo mais econômico nas demais situações.

 

Câmbio automático. (Créditos: www.car.blog.br).
Câmbio automático. (Créditos: www.car.blog.br).

Nossa Opinião

O Peugeot 2008 possui uma suspensão macia, teto panorâmico (apesar de não abrir), SUV compacto e leva vantagem em comparação ao Honda WR-V em relação à acústica interna e ruído do motor. Também possui um design interno bem moderno e agradável, sendo boa pedida para a cidade e nem tanto para quem pega muita estrada e gosta de potência.

Foto: Eduardo Mikail (@eduardomikail).
Foto: Eduardo Mikail (@eduardomikail).


publicidade

publicidade