ColunistasTecnologia da Informação

Como a engenharia ajuda na produção de sistemas para e-commerce?

0

Quando pensamos em engenharia, uma das primeiras coisas que vem à nossa mente são casas e prédios. No entanto, existem diversas áreas nas quais um engenheiro pode trabalhar, inclusive na produção de sistemas para e-commerce.

Em resumo, um engenheiro é um profissional capaz de desenvolver ferramentas para solucionar problemas. É por isso que na faculdade aprende-se a usar várias técnicas e métodos de desenvolvimentos diferentes. Às vezes a solução é bastante primitiva; outras ela é muito sofisticada.

A engenharia pode ajudar em vários processos relacionados aos e-commerces, como desenvolvimento de novos materiais, novas tecnologias, softwares e assim por diante. Vamos entender um pouco mais sobre o tema!

A engenharia ajuda na produção de novos materiais

As lojas virtuais estão instaladas em computadores que, em conjunto, formam  “nuvens”. Para que esses computadores funcionem bem, dezenas de aparelhos e sistemas precisam ser usados.

Os cabos de internet de fibra óptica, por exemplo, fazem com que o sinal de luz “quique” em seu interior, perdendo o mínimo de informação possível. Porém, eles são muito delicados e caros, e a produção de novos materiais entra em ação nesses casos.

Um engenheiro pode estar trabalhando neste momento na produção de um novo material para fibra óptica. No caso, o material terá a mesma eficiência quando comparado ao que já usamos, só que seu metro será muito mais barato. 

As componentes de computador também funcionam assim. Quanto menos aquecem, melhores são, via de regra. Por isso há dezenas de pesquisas sendo realizadas nessa área.

Novas tecnologias ajudam muito os e-commerces

imagem: pixabay.com

Quando novos materiais são desenvolvidos, é natural que novas tecnologias surjam.

No início da computação, os computadores eram enormes. A razão disso é que não sabíamos como a mecânica quântica funcionava na época. Quando o efeito de tunelamento foi descoberto e dominado, os computadores ficaram mais potentes e muito menores.

Hoje, um processador cabe na ponta do dedo de uma pessoa, e é mais poderoso que dezenas de computadores antigos em paralelo.

Com peças mais potentes, surgem novas linguagens de programação, as quais se adequam à tecnologia física. Unindo tudo isso, temos tecnologias impressionantes, inclusive para os e-commerces.

Engenharia vai além de componentes

Até o momento, falamos apenas de como os avanços nas componentes são importantes. Porém, a engenharia não está limitada a isso: até mesmo software e sistemas não físicos fazem parte de seu domínio.

Embora possa parecer fácil criar um produto digital, como um site, na verdade isso requer anos de estudo. Afinal, são muitos detalhes envolvidos nessa empreitada, e os hackers são ótimos na hora de achar brechas.

Um ramo que está bombando nos dias de hoje é o de aperfeiçoamento de linguagens de programação. A maioria delas é open source, ou seja, requer a contribuição da comunidade de programadores para se aperfeiçoar.

No caso, é o equivalente a desenvolver novos materiais, mas sem a parte física. A produção de sistemas é discreta.

Quando você clica em “comprar óleo de cártamo” em um e-commerce, por exemplo, dezenas de processos acontecem no mesmo instante.

Novos sistemas de segurança são necessários 

imagem: pixabay.com

Os sistemas de segurança são um dos pilares de qualquer aplicação que envolva dinheiro e internet. Afinal, como dissemos anteriormente, qualquer pequena vulnerabilidade será explorada, e isso significa perder bastante dinheiro.

Um dos trabalhos da engenharia é encontrar maneiras de defender sistemas de informação. Esse trabalho é muito árduo, dado que é mais fácil atacar do que defender, no mundo digital.

Os sistemas que funcionam na internet costumam ser grandes e complexos. Portanto, é natural que apresentem falhas e pontos de invasão — e isso precisa ser revisado constantemente por profissionais de produção de sistemas.

As empresas investem muito em antivírus para seus bancos de dados, e mesmo assim algumas delas, até mesmo as do ramo de tecnologia, acabam por ser invadidas.

Métodos de pagamentos ajudam transições online

A internet é interessante porque podemos ofertar um produto para milhões de pessoas ao mesmo tempo. No entanto, o charme são as transições online, permitindo ao consumidor comprar itens sem sair de casa.

O problema disso tudo são os métodos de pagamentos. 

Atualmente há um esforço global para tornar a internet um lugar seguro — ainda mais para as compras. Milhares de empresas buscam novas soluções para as compras via internet, e até grandes nomes, como Mastercard e Visa, atuam nessa área.

Essa tarefa é muito complicada, e requer uma equipe de engenheiros especialistas na função para executá-la com maestria.

O desenvolvimento de linguagens também é importante para produção de sistemas

Por fim, as linguagens de programação são os códigos que usamos para dar ordens para as máquinas. O problema é que novas máquinas exigem novas linguagens de programação.

Além disso, todas as linguagens precisam passar por atualizações, de tempos em tempos. Às vezes, são pequenas modificações; outras, elas acabam mudando completamente.

Os e-commerces usam diversas linguagens ao mesmo tempo, portanto, são bastante beneficiados quando há uma atualização relevante em alguma delas. Essas atualizações são feitas por especialistas, geralmente engenheiros, que se depararam com limitações na linguagem.

É impressionante como a engenharia é vital para as lojas virtuais, não é verdade? Poucas pessoas sabem de sua importância para esse mercado!

Além da GD: Outros 5 modelos de sistemas com a Energia Solar

Previous article

Descubra como a contabilidade pode dar apoio às atividades do engenheiro

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Colunistas