2

Antigamente, haviam poucos meios para nos orientarmos em uma viagem. Hoje em dia, com a era digital, o GPS nos facilita a vida, principalmente quando estamos em uma cidade desconhecida, não é mesmo? Assim, vamos conhecer a engenharia cartográfica.

E foi com a necessidade de mapas atualizados do território brasileiro, que o profissional Engenheiro Cartográfico vem tendo papel importante. Já que, o campo de atuação do engenheiro cartográfico foi fortemente ampliado, com a incorporação de recursos tecnológicos e ferramentas computacionais nas atividades de posicionamento, mapeamento e monitoramento, a partir de dados e imagens adquiridos por sensores terrestres ou embarcados em satélites, aeronaves, drones e mesmo plataformas aquáticas. 

Como o Engenheiro Cartográfico trabalha?

Uma vez, Engenheiro Cartográfico, você será o expert em mapas, sabe por quê? Porque você irá trabalhar com a captação e a análise de dados geográficos e topográficos para a elaboração e construção deles, através de levantamentos de campo, emprego de fotografias aéreas ou terrestres e de imagens de satélite.

Tem a possibilidade de planejar, orientar e supervisionar o levantamento, a análise e a interpretação de aspectos físicos de uma região para produzir mapas e cartas impressas ou digitais, com base em pesquisas de campo e cálculos. 

Poderá utilizar dados de diversos sistemas, como sensores a bordo de embarcações, aviões ou satélites, sensoriamento remoto e geoprocessamento. Tem como atuar também, na criação, organização e atualização de arquivos de informações geográficas. Pode-se optar também em fornecer dados e informações georreferenciadas, tanto para sistemas de localização (Waze, rotas de Uber, Google Earth), como para inovações que estão no estado-da-arte em aplicações de agricultura de precisão, monitoramento de catástrofes e desastres naturais.

Além disso, há a possibilidade de prestar consultoria para prefeituras, indústrias e construtoras, tendo em vista que você estará apto a orientar projetos de loteamento e a definir o traçado de cidades e estradas, assim como o desmembramento de imóveis rurais e urbanos.

Imagine que você será capacitado para fornecer base conceitual e metodológica, de acordo com as tendências tecnológicas dos mercados nacional e internacional, como o uso de dados de satélites que inclui o GPS, imagens de Sensoriamento Remoto, drones, diferentes tipos de sensores, softwares específicos etc. 

Responsabilidades

O profissional de Engenharia Cartográfica é responsável pela captação e análise dos dados geográficos obtidos para a construção de mapas que simulem a superfície da terra. Ele ainda trabalha na organização e atualização de informações topográficas e geográficas, por meio do cruzamento de dados sobre localidades que não são encontradas nos mapas.

Em resumo, são competências do Engenheiro Cartógrafo: a realização de estudos de viabilidade técnica, vistorias, perícias e pareceres técnicos, execução de levantamentos topográficos/geodésicos para elaboração de cartas geográficas, prestação de consultorias, especialista em coleta, armazenamento, medição, processamento e análise de dados necessários à representação adequada de fenômenos que ocorrem na superfície terrestre. 

Onde você como Engenheiro Cartográfico poderá trabalhar?

A oferta de trabalho é generalizada no Brasil, onde a maior está no meio urbano, onde esse engenheiro é requisitado para atuar em equipes que formulam planos diretores e trabalham com o ordenamento do espaço dos municípios. Prefeituras também requisitam esse profissional para elaborar e atualizar informações cadastrais para a cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). 

Você como engenheiro cartográfico, poderá trabalhar em construtora, colhendo e analisando dados de terreno, auxiliando o trabalho do engenheiro civil. 

Há ainda a necessidade da demarcação de terras indígenas, a regularização de lotes, a análise de dados de ocupação de solo e a realização de grandes obras de infraestrutura na zona rural, garantindo um mercado favorável para o profissional. Nesse meio, há também, a chance de atuar como docente em cursos técnicos e superiores da área. 

Além disso, o profissional graduado em Engenharia Cartográfica atua também na orientação de projetos de construção de grande porte tanto na iniciativa privada como na pública.

Ainda é possível trabalhar com sensoriamento remoto e geoprocessamento de forma autônoma ou por meio de uma empresa especializada, bem como na zona rural das cidades registrando os limites dos sítios e fazendas.

Conclusão

O mercado de trabalho vem se expandindo devido à crescente conscientização da sociedade da importância do Engenheiro Cartógrafo nos mais variados projetos.

Contudo, o engenheiro cartográfico é apto para atuar em medições e análise do espaço geográfico, objetivando a organização territorial. Também produzem mapas que venham a caracterizar um instrumento de descoberta e comunicação a serviço de outras atividades profissionais, na implementação de suas respectivas ações.


Drones em levantamentos topográficos!

Redação

Saúde Mental na Engenharia

Previous article

Dassault Systèmes e “The Inventor” lançam o “3D Design Challenge”

Next article

You may also like

2 Comments

  1. […] Saiba mais sobre engenharia cartográfica clicando aqui! […]

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Colunistas