publicidade

publicidade

Motorola apresenta oficialmente o Moto Maxx no Brasil [exclusivo]


motorola-moto-maxx-blog-da-engenharia

As nossas suspeitas se confirmaram! A Motorola apresentou nesta quarta (05) o novo e mais potente smartphone da marca: o MOTO MAXX. E nós conferimos tudo de perto, veja aí!

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-10

Vamos começar pelo que, para a maioria das pessoas, é o que mais incomoda em se ter um smartphone: bateria. Certo? Mesmo sendo mais potentes que as dos nossos antigos celulares “tijolos” de antigamente, as baterias duram muito menos pelo fato de termos à disposição muito mais recursos e utilizarmos cada vez mais nossos gadgets para inúmeras finalidades. Tem dias que chego a carregar até 3x.

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-03

BATERIA

No Moto Maxx você pode ter até 40 horas de uso, com uma bateria de 3.900 mAh, a mais parruda dentre todos smartphones atuais disponíveis no mercado. Além disso, o que achamos sensacional é a possibilidade de darmos uma carga rápida de 15 minutos, com o carregador Turbo Motorola, que rende até seis horas adicionais de uso – sim, 06 horas em 15 minutos! Ah, e ele também tem recurso para carregadores sem fio, como mostra a foto abaixo.

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-01

DESEMPENHO

Quando a Motorola afirmou que o Moto Max é o smartphone mais poderoso do mercado ela não estava brincando! O “brinquedo” vem com um processador Qualcomm® Snapdragon™ 805 com CPU quad-core de 2,7 GHz, além de 3 GB de memória RAM. A incrível câmera de 21 MP captura imagens e faz vídeos em 4K com qualidade de cinema – e depois você pode ver tudo na sua TV 4K 😉

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-04

A tela de 5.2” polegadas OLED vem com display 1440 x 2560 Quad HD com 565 ppi, mais nítida que qualquer smartphone (veja abaixo a comparação que fizemos com o iPhone 6 Plus). E conta com uma memória interna de 64 GB, e também com a tecnologia NFC.

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-07

DESIGN

O design do novo Moto Maxx foi projetado visando altíssima proteção e durabilidade. No acabamento externo o aparelho é feito com nylon balístico, que é utilizado em malas e mochilas de alta qualidade. E ainda, sob o nylon há uma camada de fibra Kevlar® da DuPont (quase um colete à prova de bala, não? Brincadeira!).

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-06

Além de toda performance e sofisticação, ele possui um nanorrevestimento interno e externo que faz com que seja repelente à água, mas calma lá, não vá achar que o gadget é à prova d’água e sair por aí mergulhando com ele! E para reforçar ainda mais a proteção, a Motorola o equipou a tela com Corning Gorilla Glass®, o vidro anti-risco mais resistente disponível no mercado.

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-08

ANDROID

Para os adeptos do sistema operacional da Google, o Android, o Moto Maxx vem com o KitKat® na versão 4.4.4 puro, ou seja, tornando o sistema ainda mais eficiente e com melhor performance para o usuário.

lancamento-motorola-moto-max-blog-da-engenharia-02

PREÇO

Depois de tudo isso você deve estar só imaginando quanto custa o aparelho, né? O Moto Maxx chega ao Brasil com preço sugerido de 2.199,00.

E aí, o que achou? Conte aqui nos comentários a sua opinião sobre o novo lançamento da Motorola!

Saiba mais do novo Moto Maxx em Motorola.com.br


publicidade

publicidade