3

Ao se analisar o ciclo de utilização do aço, características importantes se destacam e contribuem para que este produto seja escalado dentre as alternativas de fabricação que compreendem o termo sustentabilidade.

É um material de grande aplicabilidade estando presente na maior parte das cadeias produtivas da economia. Utilizado e presente em inúmeros produtos de nosso cotidiano.

Dentre as características sustentáveis mais impactantes para este material é a de ser um produto 100% reciclável, a que mais se destaca; diversas outras caraterísticas ainda serão discutidas, na busca de fazer uma análise e apresentar não só suas vantagens, como também as desvantagens do ponto de vista da sustentabilidade.

Portanto, seguem algumas características que contribuem para o ponto de vista sustentável, Bora conferir!

USO DE ENERGIA, GERAÇÃO DE RESÍDUOS, EMISSÃO DE POEIRA E RUÍDOS SONOROS

Obras feitas em aço consomem menor quantidade de energia ao comparadas aos demais sistemas produtivos de edificações. Ao comparadas a obras fabricadas inteiramente em concreto, a agilidade na montagem da edificação contribui significativamente para menor consumo de energia.

Um dos grandes desafios nas obras civis, são justamente reduzir a quantidade de resíduos gerados durante a construção. Existem uma grande quantidade de soluções inteligentes voltadas à redução de resíduos em:

  • Construções civis; as construções em aço trazem uma característica interessante e bem avaliada pelos construtores, poucos resíduos sobram ao final da obra.

Além da característica incrível de que 100% dos resíduos metálicos podem ser reciclados. Dados estatísticos de construções em aço, indicam que, em uma edificação de 200 m², os resíduos gerados somam em média, 1 m³ de aço.

A geração de poeira em obras metálicas é pequena, apenas partículas quase não visíveis ao olho humano podem atingir a atmosfera nos processos de corte e preparação para pintura.

Os ruídos sonoros geralmente são emitidos na fase de preparação da estrutura para o corte, o que geralmente são realizados na fábrica e poucos perfis metálicos são cortados no canteiro de obras. Portanto, são dois aspectos que são conduzidos dentro dos galpões de fabricação das estruturas.

RECICLAGEM DO AÇO

A reciclagem é a característica que mais se enquadra nos padrões de sustentabilidade do aço. Esta liga pode ser produzida em dois processos que utilizam: altos-fornos ou fornos de arco elétrico; nos altos-fornos, a produção pode utilizar de até 35% de aço reciclado. Enquanto nos fornos de arco elétrico, esta porcentagem pode chegar a 95%.

Outra característica muito interessante é que o aço pode ser reciclado inúmeras vezes, sem perder suas características, ou afetar de alguma forma o processo.

SUSTENTABILIDADE

Sucata de aço para reciclagem

O PROCESSO PRODUTIVO, ASPECTOS QUE AINDA CONTRADIZEM A SUSTENTABILIDADE

O processo de fabricação do aço é realizado em siderúrgicas, estas indústrias possuem alto consumo de energia e o índice de emissão de poluentes é muito elevado.

A principal emissão na atmosfera corresponde ao Dióxido de Carbono (CO2), as companhias siderúrgicas são responsáveis pela emissão de 7% de todo o poluente lançado na atmosfera.

Sustentabilidade

Siderúrgica em operação para fabricação de aço.

Portanto, são enormes os desafios para as indústrias siderúrgicas; muitas delas têm se empenhado muito em reduzir as emissões de poluentes na atmosfera, através de implantação de filtros e diversas alternativas inteligentes.

Substituição dos altos-fornos também são alternativas que implicam em resultados importantes visto que, um alto-forno é um reator químico que possui vida útil aproximada de 20 anos, podendo neste período nunca ser desligado.

Novos conceitos na fabricação destes gigantes produtores de aço trazem bons resultados nas emissões de CO2 no ambiente. Assim, vistas tais características, é possível se perceber o grande potencial que o aço possui na cadeia de materiais sustentáveis a serem utilizados nas construções.

Verdade é que, muitos são os desafios encontrados na produção deste material, porém, enfrentados estes desafios; as grandes vantagens e o enorme potencial de reciclagem do material, proporciona vantagem perante os demais e o coloca em posição estratégica a ser explorado nas grandes obras de engenharia.

Com o trabalho necessário, em pouco tempo a sustentabilidade do aço alcançará padrões valiosos para melhorar nossas condições de vida e também de nosso planeta, afinal, trabalhamos por melhores condições de vida sendo para isto a sustentabilidade nossa aliada.


Robson José Santos
Natural de Belo Horizonte, 31 anos. Graduado em Engenharia Mecânica, pela Universidade de Itaúna, formação técnica em Mecânica pelo CEFETMG - CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS. Atualmente morando em Campo Grande - MS; trabalhando em empresa onde desenvolve projetos mecânicos de implementos do setor florestal (preparo de solo e plantio de florestas). Executa serviços de projeto mecânico e detalhamento mecânico. Sendo o detalhamento mecânico a fase de projeto onde apresenta maior dedicação, acreditando ser a primeira forma de materializar o projeto e apresentá-lo aos próximos setores que darão continuidade à fabricação.

Sustentabilidade Computacional: a tecnologia a serviço do planeta

Previous article

ENGENHARIA DE MATERIAIS: tudo sobre

Next article

You may also like

3 Comments

  1. […] Para saber mais sobre siderurgia leia o artigo Sustentabilidade: Aço entre matérias-primas. […]

  2. […] maior preocupação traga por esta falta de matéria-prima no setor é o desempenho da indústria metal-mecânica, esta passa por recuperação de um período de recessão. É quando a indústria começa a se […]

  3. […] conceito acima é o responsável por mudanças estruturais no aço, o que faz com que ele ainda seja a principal matéria prima na fabricação de máquinas […]

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Colunistas