BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

Anuário Abracopel: tudo sobre este estudo de engenharia!

O Estudo aponta que os atos inseguros ainda são o que mais causam acidentes no Brasil assim como a utilização de materiais fora de norma ou de maneira errada

Dias melhores! Esta é a expectativa de todos para 2022: primeiramente a redução de casos de COVID, juntamente com o aumento das oportunidades de emprego, além da redução do número de acidentes no trabalho. A ABRACOPEL nos apresenta anualmente, desde 2008, um estudo de Engenharia, que dá suporte para a criação de ações necessárias para a redução do número de acidentes.

O Anuário Estatístico de Acidentes de Origem Elétrica, tem como resultado um estudo detalhado sobre o número de acidentes relacionados com eletricidade. Este Anuário é emitido pela ABRACOPEL analisando as principais causas dos acidentes com eletricidade além de detalhar os Estados onde são mais recorrentes.

O resultado desta análise dá origem a um material rico em informações, indicando a incidência de acidentes por localidade,

Um dos melhores meios de trabalharmos na redução dos acidentes, por exemplo, é entender de maneira sistemática como e onde eles acontecem, William  Deming já afirmava sabiamente:

Pensamento de William Edward Deming

O que é a ABRACOPEL

A Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (ABRACOPEL), teve seu início em 2005, criada por profissionais preocupados, acima de tudo, com o alto índice de acidentes com eletricidade.

Metodologia de Coleta de Dados

A coleta de dados é realizada através do levantamento dos eventos noticiados nos veículos de imprensa de todo o Brasil. O que cria uma cenário sobre o comportamento e tendências em relação aos acidentes relacionados com Eletricidade, entretanto este cenário pode ser incompleto pois nem todos os eventos são notificados.

O Anuário

O Anuário da ABRACOPEL, classifica os acidentes com eletricidade em 3 grandes grupos: Choque Elétrico, Incêndios (de origem elétrica) e Descargas Atmosféricas.

Primeiramente o anuário nos apresenta uma panorama geral dos acidentes com eletricidade no Brasil, de modo a contextualizar a relevancia do estudo. Na sequencia são apresentados os resultados de acidentes com choque elétrico, sobrecarga e descargas atmosféricas, e o acompanhamento do números de acidente.

Infelizmente o estudo nos mostra que o número de acidentes voltou a crescer em 2021, após queda  no ano anterior, o que pode estar correlato ao confinamento causado pela COVID-19.

Gráfico de Acidentes - Série Histórica de total de acidentes entre 2013 e 2021
Fonte – Anuário ABRACOPEL

Acidentes com Choque Elétrico

O maior número de acidentes com eletricidade é causada por choques elétricos, conforme aponta o Anuário.

Gráfico de Acidentes com eletricidade em 2021
Acidentes com Eletricidade por Categoria (Fonte – Anuário ABRACOPEL)

Os dados demonstram uma pequena redução no número de acidentes que levaram a óbito, se comparados aos números de 2020. Entretanto o indicador ainda aponta 674 fatalidades no ano, ou seja, morrem quase 2 pessoas por dia devido a choques elétricos.

Série Histórica - Acidentes com Choque Elétrico
Fonte – Anuário ABRACOPEL

O Anuário nos apresenta um relatório rico em detalhes da distribuição destes acidentes, no Brasil nos permitindo realizar uma análise mais minuciosa dos fatos. Por exemplo a Região Nordeste lidera em número de mortes percentualmente. Por outro lado, o estado de São Paulo é campeão quando analisados os números absoluto. Entretanto não podem ser considerados apenas os números absolutos, é preciso levar em consideração a densidade demográfica, e analisando por este lado, estado do Acre infelizmente em 2021 é considerado o estado que mais apresenta mortes por choque elétrico (quantidade de mortes por milhão de habitantes).

Infográfico com percentual de mortes por choque elétrico por estado
Percentual de Mortes por Região do Brasil
Fonte -Anuário ABRACOPEL

Acidentes com Incêndios causados por Sobrecarga

Os incêndio causados por sobrecarga, são o segundo grande motivo de altos números de acidentes. Do mesmo modo que os acidentes por choques elétricos, os números de acidentes por sobrecarga vem crescendo ano após ano. Este aumento é impactado primeiramente pelo uso de materiais de baixa qualidade. Da mesma forma que pelo uso de equipamentos de maneira incorreta e imprudente, como por exemplo a utilização de “benjamins” e de adaptadores, como podemos verificar no artigo da Eng. Ana Carolina Gontijo.

O aumento percentual destes acidentes de quase 10%, pode esclarecer o aumento discreto nos números totais visto anteriormente (+- 5,2%), considerando que os outros grupos tiveram quedas em seus números.

Gráfico Série Histórica de Incêndios causados por Sobrecarga
Fonte – Anuário ABRACOPEL

Acidentes causados por Descargas Atmosféricas

Os acidentes causados por descargas atmosféricas apresentaram uma queda nos últimos 2 anos, contudo, apesar dos números serem mais baixos que os acidentes com choque elétrico e causados por sobrecarga, este tópico merece destaque por ter um índice de letalidade muito mais alto que os demais.

Gráfico Série Histórica de Incêndios causados por Descargas Atmosféricas
Fonte – Anuário ABRACOPEL

Análise dos Dados

Em conclusão, podemos citar dois pontos de destaque:

  • Os acidentes causados por choque elétrico na sua maioria acontecem com profissionais da área elétrica, mas não por falta de segurança, e sim por excesso de auto confiança como demonstrado na pesquisa PERCEPÇÃO DE SEGURANÇA COM ELETRICIDADE também publicada pela ABRACOPEL;
  • Utilização de materiais de baixa qualidade, como por exemplo fios e cabos desbitolados, aumentam o número de incêndios e consequentemente o número de acidentes causados por sobrecarga.

Em suma: a análise dos dados nos coloca em alerta para a necessidade de trabalhar fortemente para a redução do número de acidentes, atuando em primeiro lugar nos aspectos comportamentais  do profissional e, além disso, na necessidade de utilização de materiais normatizados.

Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e esperar resultados diferentes.

Albert Eistein


Fonte: ANUÁRIO ESTATÍSTICO DE ACIDENTES DE ORIGEM ELÉTRICA 2022 – Ano base 2021

MARTINHO, Meire Biudes; MARTINHO, Edson; DE SOUZA, Danilo Ferreira (Org.). ANUÁRIO ESTATÍSTICO DE ACIDENTES DE ORIGEM ELÉTRICA 2022 – Ano base 2021. Salto-SP: Abracopel, 2022. DOI: 10.29327/560614

Total
7
Shares
2 comentários
    1. Obrigado Jéferson!!
      Com certeza a conscientização é a melhor ferramenta para diminuirmos o número de acidentes com eletricidade.
      Este trabalho precisa ser realizado constantemente de modo a atingir todos os públicos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese