BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

Guias lineares: o que são, onde utilizar e por que optar pelas versões com buchas em polímero?

As guias lineares são equipamentos mecânicos desenvolvidos para utilização na indústria em diversas máquinas e equipamentos. Elas geralmente são compostas por um trilho onde se movimentam um ou mais carrinhos ou também conhecidos, patins. Elas geram a movimentação por conta dos rolamentos/buchas que vão dentro dos carrinhos.

A guia linear é um sistema que auxilia na movimentação e sustentação de cargas de um equipamento de forma linear, seja na vertical ou na horizontal. Elas devem operar com precisão e eficiência e são partes indispensáveis para a movimentação segura em diversas máquinas e equipamentos.

Os pontos onde esses componentes podem ser aplicados são os mais diversos possíveis. Em toda a aplicação onde haja o deslizamento de um objeto que precisa ser guiado em um determinado espaço, uma guia linear pode ser aplicada. Seja em uma porta deslizante de uma máquina, ou na porta de uma van escolar, seja em uma plataforma, ou em máquinas de embalagem, para ajuste de formato, por exemplo. A função da guia é restringir o grau de liberdade de determinado objeto em movimento.

Por que utilizar guias lineares com buchas deslizantes em plástico ao invés de guias metálicas com esferas recirculantes?

As propriedades autolubrificantes dos plásticos garantem a isenção de lubrificação e manutenção da aplicação, eles podem movimentar altas cargas sem forças excessivas de acionamento e os custos podem ser até 40% mais baixos.

Os rolamentos de esferas metálicas por sua vez, possuem um contato pontual. Ou seja, a força é transmitida através das esferas sobre um único ponto, sendo necessária a lubrificação para o funcionamento dos mesmos. A presença de graxa por sua vez, pode causar desgaste prematuro.

A vantagem dos plásticos é que eles podem ser desenvolvidos para propriedades específicas. Dependendo dos requisitos, revestimentos lineares que são resistentes à pressão e ao desgaste, assim como ao meio e à temperatura, podem ser produzidos. Além disso, ao selecionar o emparelhamento de material adequado de superfície, eixo e trilho, os coeficientes de atritos das buchas podem sem influenciados positivamente e sua vida útil estendida.

A igus®

A igus® foi uma das primeiras empresas especialista em polímeros a aceitar o desafio de desenvolver sistemas de guias lineares isentos de lubrificação, com baixo atrito e vida útil elevada. As guias lineares drylin® da igus® foram desenvolvidas para funcionamento a seco e, por isso, são isentas de manutenção lubrificação. A elevada superfície de contato distribui a força e permite o uso de guias e eixos macios que podem movimentar altas cargas sem forças excessivas de acionamento.

Hoje em dia, as vantagens das guias lineares drylin® da igus®, abriram espaço para diversas aplicações sensíveis, que exigiam componentes mais resistentes e duradouros em ambientes exigentes. Elas garantem confiabilidade em aplicações com velocidades elevadas, de forma muito silenciosa. Podem ser empregadas em ambientes que exigem alto nível de higiene, como na indústria alimentícia, de bebidas, embalagem ou médica e sob diversas temperaturas.

Assim, segundo o gerente de produto, Anderson Batista “a substituição das guias com rolamentos metálicos de esferas por guias lineares autolubrificantes vem aumentando a cada dia para os mais diversos segmentos, desde máquinas de embalagem, equipamentos médicos, máquinas para madeira… tanto em aplicações pequenas de espaço reduzido quanto em aplicações de cargas e velocidades elevadas. Então, esse aumento se deve a quebra de paradigma que existia no passado sobre a resistência dos polímeros. Dessa forma, hoje sabemos que existem polímeros com ótimo desempenho com resistência de até 150 MPa e temperaturas de 250°C constantes.

Vantagens de forma resumida:
  • Vida útil longa apesar de exposição a altos níveis de sujeira;
  • Até 40% mais econômica que guias de rolamentos de esferas recirculantes;
  • Até 4 vezes mais silenciosas que buchas lineares equivalentes de metal;
  • Livres de lubrificação para requerimentos higiênicos extremamente altos;
  • Livres de corrosão e podem ser utilizadas em aplicações com químicos;
  • Até 75% mais leves graças a polímeros de alto desempenho.

Para saber mais sobre as guias lineares da igus®, acesse:
https://www.igus.com.br/info/guias-lineares-drylin

CONTATO:
SOBRE A IGUS:
  • A igus GmbH desenvolve e produz plásticos para movimentação. Esses polímeros de alto desempenho livres de lubrificação melhoram a tecnologia e reduzem os custos onde quer que as coisas se movam.
  • A igus é líder mundial de mercado em sistemas de esteiras porta cabos, cabos altamente flexíveis, buchas autolubrificantes e lineares, assim como tecnologia de fusos de tribopolímeros. A empresa familiar com sede em Colônia na Alemanha, está representada em 35 países e emprega 4.900 pessoas em todo o mundo.
  • Em 2021, a igus faturou 961 milhões de Euros. A pesquisa realizada nos maiores laboratórios de testes do setor proporciona constantemente inovações e mais segurança aos clientes. Estão disponíveis em estoque 234.000 itens e a vida útil pode ser calculada online.
  • Nos últimos anos, a empresa expandiu-se, criando start-ups internas, por ex. para rolamentos de esferas, acionamentos para robôs, impressão 3D, a plataforma RBTX para Robótica Lean e “smart plastics” inteligentes para a Indústria 4.0.
  • Entre os investimentos ambientais mais importantes estão o programa “chainge” – reciclagem de esteiras porta cabos usadas – e a participação em uma empresa que produz óleo a partir de resíduos plásticos
Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese