BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

Além da GD: Outros 5 modelos de sistemas com a Energia Solar

Não existe só o sistema fotovoltaico! Isso mesmo, ao se pensar em Energia Solar só se imagina comumente no sistema fotovoltaico. Porém, o sol pode gerar energia de diferentes formas, sejam elas diretas ou não. Atualmente, 6 sistemas são usados no mundo, sendo eles: Usina Heliotérmica, Sistema Off Grid, Usina Solar Fotovoltaica, Aquecimento Solar, Sistema Híbrido e Geração Distribuída.

Vamos conferir abaixo!

Usina Heliotérmica

A usina Heliotérmica (HLT) é chamada também de Solar Thermal Electricity (STE) e o seu objetivo, primeiramente, é aquecer um fluido e depois gerar energia. Essa técnica se distingue da fotovoltaica que transforma a luz do sol de modo direto em energia elétrica através do efeito fotovoltaico. 

O funcionamento da Usina Heliotérmica se exerce por meio do acúmulo dos raios em um ponto, de modo que os transformem em calor. Portanto, esse calor é transportado para uma máquina térmica, que faz a conversão em energia elétrica. Hoje, existem quatro principais tecnologias: Torre solar; Cilindro parabólico (parabolic trough); Fresnel linear e Disco parabólico (dish) (CASTRO, 2015).

Fonte: FREEIMAGES (2021)

Sistema Off Grid

“Fora da rede” é a tradução de Off Grid e esse nome corresponde a uma rede isolada e autônoma. Sendo assim, a rede autônoma pode fazer uso de várias fontes de energia, como a Energia Solar. Esse sistema que converte a luz do sol em eletricidade faz uso de baterias e é composto por três blocos: Gerador, condicionador de potência e armazenamento.

E Usina Solar Fotovoltaica? Já ouviu falar?

Usina Solar Fotovoltaica

A Usina Solar Fotovoltaica é um imenso Sistema Solar Fotovoltaico, visto que ocupa uma extensa área preenchida por módulos fotovoltaicos. Esse sistema possui características próprias como a fixação dos módulos no solo ou instalados sobre a água em rios e mares, além de que o fornecimento de energia é voltado para comercialização, uma vez que a energia produzida em larga quantidade é vendida para distribuidoras e consumidores nos leilões de energia e no Mercado Livre. 

É conhecido também como Geração Centralizada, Fazenda Solar ou Parque Solar. Ressalta-se que a energia é gerada em alta voltagem com o propósito na distribuição. 

Em relação ao funcionamento, é análogo aos sistemas instalados em residências (On Grid), pois a energia é gerada em Corrente Contínua e entregue em Corrente Alternada por intermédio dos inversores. 

Ao se debruçar sobre o Estudo Estratégico Grandes Usinas Solares 2020 Mercado Livre e Leilões, se pode constatar que até janeiro de 2020 o Brasil possui em operação 105 Usinas Solares Fotovoltaicas.

A diferenciação desse sistema para o On Grid é que o excedente de energia não é lançado na rede elétrica, ocorre o armazenamento no seu sistema. Ou seja, a grande vantagem é poder fazer uso da Energia Solar em lugares isolados, como fazendas e sítios.

Fonte: Freepik (2021)

Aquecimento Solar

A Energia Solar térmica é dirigida ao aquecimento de fluidos, comumente usada em atividades do dia a dia dentro de uma habitação ao aquecer a água. Esse sistema absorve o calor do sol e o converte em energia térmica por meio do coletor solar. Portanto, o sistema de aquecimento solar térmico não é destinado a gerar eletricidade. 

Os SAS – Sistema de Aquecimento de Água usado na Energia Solar são formados por coletores solares, fonte auxiliar de energia, reservatório térmico e tubulações isoladas termicamente (MESQUITA, 2011).

Os Sistemas podem ‘se ajudar’ complementando-os! Confira abaixo!

Sistema Híbrido

O Sistema Híbrido permite possuir duas ou mais fontes de energia. Pois, segundo Barbosa et al. (2004), um sistema híbrido é aquele que utiliza conjuntamente mais de uma fonte de energia, conforme a disponibilidade dos recursos energéticos do local, com o propósito de gerar energia elétrica.

Ao utilizar esse tipo de sistema na Energia Solar, se tem a combinação do uso dessa fonte com a de outro tipo renovável também. A exemplo destes sistemas, pode citar a combinação do sistema fotovoltaico com o eólico.

Assim, as suas principais vantagens são a independência e a disponibilidade energética. Portanto, em 2015, foi inaugurado o primeiro parque híbrido de energia renovável no Brasil. O mesmo é localizado em São Francisco – Pernambuco e une o uso da energia eólica com a solar, sendo capacitado a gerar 340 gigawatt-hora por ano.

Conheça o meu Canal no Instagram: @eletrizandoo para mais informações!

Sabe o que é a GD? confira esta leitura!


REFERÊNCIAS:

CASTRO, Gabriel Malta. Avaliação do valor da energia proveniente de usinas heliotérmicas com armazenamento no âmbito do sistema interligado nacional. Universidade Federal do Rio de Janeiro/Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia/Programa de Planejamento Energético, 2015. 

MESQUITA, Marcelo. Sistemas de aquecimento solar de água. Théchne. Ed. 177. Dezembro, 2011.

Total
0
Shares
4 comentários
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese

WORKSHOP ENGENHEIRO PERITO

Conheça o método que engenheiros de todo o Brasil estão usando para trabalhar na justiça recebendo de R$4.375,00 á R$11.547,00.
Sem prestar concurso público!

Fique tranquilo, não enviamos spam!