BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

PFAS – o composto que NUNCA te abandona.

Em tudo nas nossas vidas buscamos aquilo que vai durar pela eternidade. Seja um relacionamento ou um objeto. Sendo assim, vou lhe apresentar, o PFAS,  algo que não vai te decepcionar. 

Os perfluoralquil ou polifluoralquilas são substâncias químicas que estão presentes em diversos produtos que utilizamos, seja da água consumida, da maquiagem… Até a roupa da NASA.

Roupa da nasa com PFAS

Contudo, trago uma má notícia, essas substâncias sintéticas são nocivas à saúde e ao ambiente em que vivemos.

Desvendando os PFAS.

Anteriormente, disse o que significa o acrônimo. Agora, vamos conhecer um pouco mais de sua química.

Tais substâncias foram usadas pela primeira vez na década de 40. Quando foi percebido que essa classe de substâncias não sofriam deterioração devido sua resistência ao calor e umidade e sobretudo não manchavam, a indústria começou a desenvolver diversos produtos que contêm essa substância e que sim, os produtos de beleza que você usa contêm.

PFAS :composição

Porém, lembra que falei que eles são eternos? Porque não conseguimos eliminá-los do nosso corpo, e nem do ambiente.

O lado bom e o lado ruim do PFAS.

De antemão, tudo depende do ponto de vista não é mesmo!? Cabe a vocês agora julgar de que lado seus “amigos” estão.

O lado “bom” é que essas substâncias são inertes. Mas, e o lado ruim?

Bem, vamos começar com a saúde humana.

Hoje em dia, diversos estudos vêm sendo realizados, associando a presença dos PFAS com diversas doenças.

Perfluoroalkyl and polyfluroalkyl substances and maternal thyroid hormones  in early pregnancy - ScienceDirect
FONTE: https://doi.org/10.1016/j.envpol.2020.114557

O acúmulo desses sintéticos, nos adultos, podem causar problemas na tireóide, câncer nos rins, na mama, nos testículos e aumento do colesterol LDL.

Já no feto, pode causar sua perda, baixo peso ao nascer e hipertensão (na mãe).

Existe solução?

A resposta é SIM ! 

Atualmente, alguns estudos vêm sendo realizados para descobrir moléculas que sejam estáveis e que não sejam nocivas à saúde, e, sobretudo, possua a mesma eficiência que os PFAS.

Todavia, os estudos são recentes e, logo, ainda há uma carência de pesquisa, tanto das empresas, quanto das universidades em desenvolver produtos similares com composições diferentes.

Interesses particulares !? Eis a questão !!!

Conclusão

Primeiro, já se perguntaram porque continuamos usando esses produtos? 

Sabiam dessas moléculas e seus malefícios?

Creio que não ! 

Mas agora já sabe! E claro, graças ao Blog da Engenharia

A primeira teoria é que as empresas não divulgam a presença do PFAS em seus produtos, e , para piorar, existem empresas que desconhecem que fazem o uso.

Analogamente, os consumidores, na maioria dos casos, por desconhecimento, utilizam produtos que contenham essas substâncias e fazem o uso discriminadamente.

Do mesmo modo, existem consumidores, que não são leigos, e outros que mesmo após a leitura do artigo, negligenciaram os fatos e continuarão utilizando os produtos.

Ban Toxic PFAS Chemicals That Contaminate Our Environment!
FONTE: https://actionnetwork.org/letters/ban-toxic-pfas-chemicals-that-contaminate-our-environment?source=twitter&

Por fim, quem deixaria de usar uma panela de teflon ou uma maquiagem!?

Continuem acompanhando o Blog da Engenharia e não esqueçam de compartilhar o conhecimento.

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese

WORKSHOP ENGENHEIRO PERITO

Conheça o método que engenheiros de todo o Brasil estão usando para trabalhar na justiça recebendo de R$4.375,00 á R$11.547,00.
Sem prestar concurso público!

Fique tranquilo, não enviamos spam!