O melhor das engenharias
BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

SpaceX entra na disputa do turismo espacial

Quem pensou que a disputa do turismo espacial tinha se encerrado – pelo menos momentaneamente, se enganou. No dia 15 de setembro de 2021, decolou a histórica missão Inspiration4, da SpaceX. O objetivo? Nada mais nada menos que colocar quatro civis na órbita da Terra. Detalhe: nenhum astronauta profissional os acompanhou.

A missão

Às 21h02 daquele dia, o foguete Falcon acionou seus nove motores a partir da plataforma LC-39A do Centro Espacial Kennedy para levar a cápsula Dragon rumo ao espaço.

Decolagem do Falcon.

Dando uma volta na Terra a cada 90 minutos, ficaram a cerca de 575 km de altitude, mais alto que a Estação Espacial Internacional e que o telescópio Hubble, com uma velocidade acima dos 27.000 km/h, mais de 20 vezes a velocidade do som.

Após três dias no espaço, a Dragon girou 180 graus e começou a frenagem para a gravidade da Terra os “puxarem de volta”. Às 20h06 do dia 18 de setembro, a cápsula pousa na costa da Flórida, com o auxílio de quatro mega paraquedas.

Ao contrário de outras missões, os tripulantes não se preocuparam quanto à pilotagem, uma vez que foi realizada diretamente da Terra.

Histórico

Talvez Elon Musk, que acompanhou todo o processo na NASA, tenha tomado a dianteira nessa corrida, já que os voos de seus companheiros Bezos e Branson foram suborbitais, ou seja, não chegaram a entrar em órbita.

Elon no Centro Espacial Kennedy.

Além de ter colocado civis amadores em órbita, a missão também teve outro marco: foram os seres humanos que chegaram mais longe, desde o programa Apollo, que teve a Lua como destino.

Tripulação

Jared Isaacman: 38 anos, bilionário, que financiou toda a viagem, foi comandante da missão e é CEO de uma empresa de pagamento.

Sian Proctor: 51 anos, piloto da missão e cientista, já participou de pesquisas para a NASA.

Hayley Arceneaux: enfermeira que enfrentou um câncer quando criança e teve uma prótese colocada em seu joelho. Tem 29 anos, portanto é a americana mais jovem a ir ao espaço.

Chris Sembroski: 41 anos, engenheiro de informação que serviu na Força Aérea Americana.

Da esquerda para direita: Sembroski, Proctor, Isaacman e Arceneaux.

Conforme divulgado pela SpaceX, todos eles passaram por intensivos treinamentos voltados para astronautas particulares.

Então, pontos de vitória para Musk.

Total
0
Shares
2 comentários
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese