BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

O trágico fim do Antonov 225

A notícia da destruição do grande Antonov An-225 Mriya chamou atenção da comunidade dos apaixonados pela engenharia aeronáutica/aviação.

A princípio, as informações, ainda desencontradas, apontavam danos irreparáveis na estrutura do avião. A confirmação veio dias depois, após serem divulgadas fotos da aeronave totalmente assolada.

O Antonov An-225

Com inacreditáveis 84 metros de comprimento, 88,4 metros de envergadura, 18,1 metros de largura, capacidade de carga de até 250 toneladas ou até 1500 pessoas, o gigante Antonov An-225 impressiona.

O avião possuía trens de pouso com 32 pneus.

Além disso, ainda conta com 6 motores turbofans Ivchenko-Progress D-18T, que dá empuxo e o leva a atingir velocidades de 850 km/h.

Construído na década de 1980, foi projetado para carregar o ônibus espacial Buran, sendo uma versão melhorada do An-124 Ruslan.

Segundo a fabricante, são 240 recordes mundiais nunca superados. Um deles, em setembro de 2001, voou transportando 253,86 toneladas de carga, a uma velocidade aproximada de 760 km/h.

A título de comparação, enquanto um Boeing 737 é comandado por 2 pilotos, para fazer o Mriya sair do chão, são necessários 2 pilotos e 4 engenheiros de voo. Normalmente, 20 membros viajam em tempo integral com o Antonov, contando com a tripulação reserva.

Tripulação em voo.

Como resultado, é citado como uma das maiores construções aéreas do mundo.

Destruição

A aeronave estava estacionada em um hangar no Aeroporto Antonov, em Gostomel, na Ucrânia, quando, numa ofensiva do governo da Rússia, entre os dias 24 e 25 de fevereiro de 2022, foi atingida por diversos mísseis e queimado.

Antonov AN-225 destruído.

Custo

Conforme informações, os custos para a reconstrução do Antonov 225 podem chegar a – pasmem – US$3 bilhões.

Realmente, o número assusta. Mas quando se leva em consideração as dimensões exageradas do avião, até que faz sentido. Sem contar o fato de ser um equipamento antigo.

O gigante vai ser reconstruído?

Apesar do cenário desfavorável, a história pode ter um final feliz. Através do Facebook, a Antonov Company divulgou uma carta (clique aqui para ler na íntegra) destinada a “todas as pessoas não-indiferentes do mundo civilizado”.

Parte da mensagem diz:

“Apesar dos tempos difíceis, a equipe Antonov considera absolutamente necessário evitar a perda irrecuperável completa da lendária aeronave como um dos símbolos da modernidade e iniciar o renascimento do carro-chefe da aviação de transporte AN-225 Mriya. Há todas as razões para isso, mas, infelizmente, em um momento difícil para a Ucrânia, não há dinheiro suficiente para resolver esse problema. Propomos estabelecer um Fundo Internacional para o Renascimento da aeronave de transporte AN-225 Mriya.”

Antonov Company

Em síntese à carta, a “vaquinha” solicita apoio de entidades/pessoas como:

  • chefes de estado e de governo de todos os países do mundo;
  • empresas globais de produção de aeronaves;
  • empresas-parceiras estrangeiras que participaram da criação de outras aeronaves Antonov;
  • administração de bancos e outras instituições financeiras do mundo;
  • fãs e entusiastas da aviação;
  • toda a comunidade aeronáutica mundial, incluindo Organizações Não Governamentais;
  • todas as pessoas que admiravam a grandeza do Mriya.
Total
4
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese

WORKSHOP ENGENHEIRO PERITO

Conheça o método que engenheiros de todo o Brasil estão usando para trabalhar na justiça recebendo de R$4.375,00 á R$11.547,00.
Sem prestar concurso público!

Fique tranquilo, não enviamos spam!