BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

Consulta Pública: Um Meio de participação no Setor Elétrico

A participação nos processos de definição de legislação fazem parte das atribuições da engenharia

Você sabe o que é uma Consulta Pública? Alguns termos nem sempre são tão simples de serem entendidos, apesar de estarem vinculados com nossos direitos e deveres pela constituição. A consulta Pública é um destes termos, vamos entender o que é isto e como participamos deste processo…

Princípios da Administração Pública

A CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988, é a Lei Fundamental e Suprema do Brasil, promulgada após o término da ditadura Militar. Este documento organiza o Estado realizando a separação dos poderes Legislativo, Executivo e Judiciário além de estabelecer direitos e garantias fundamentais para o cidadão.

Ainda na parte Jurídica, na Seção I do Capítulo VI, o Art. 37 nos apresenta os princípios que devem ser seguidos na Administração pública:

Art. 37. A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência (…)

Constituição da República Federativa do Brasil, Cap VII, Seção I

O Princípio da Publicidade, tem como principal objetivo manter a transparencia para a sociedade sobre as ações e decisões tomadas pelo poder público.

Além disto, é assegurado no Inciso XXXIII do artigo 5º da Constituição, o direito a receber informações dos orgãos públicos. Entre as várias ferramentas utilizadas para cumprir este príncípio, temos a Consulta Pública, mas afinal: como funciona isso???

Consultas Públicas

A Consulta Pública é uma maneira de promover a transparencia e participação da sociedade na tomada das decisões, ou seja, é a chance da participação na tomada de decisão sobre critérios de leis a serem estabelecidas.

Durante o processo de validação de uma lei, ou Regulamentação temos diversas Consultas Públicas que são disponibilizadas a para participação do cidadão, contudo, nem sempre esta informação chega ao nosso conhecimento.

Normalmente a divulgação das consultas públicas acontece no site das instituições que a promovem (no site do Ministério de Minas e Energia, ou da ANEEL por exemplo) e no Diário Oficial da União (que com certeza você visita todos os dias…rs).

CP para Regulamentação da Lei 14.300/2022

Diretoria da ANEEL em Reunião. Foto: Lucas Diener / Secretaria Especial de Comunicação Social

Gostaria de Destacar a CP 50/2022Obter subsídios para o aprimoramento dos Submódulos 5.2, 7.1, 7.2 e 7.3 dos Procedimentos de Regulação Tarifária – PRORET, que regulamentam os aspectos econômicos da Lei nº 14.300/2022.

Esta Consulta Pública, visa discutir, entre os diversos pontos, aonde serão alocados os custos tarifários  dos subsídios que são oferecidos aos beneficiários da Geração Distribuída. Entre as propostas, está a inclusão de uma nova alíquota para a Energia a CDE (Conta de Desenvolvimento Energético) que será custeado pelos consumidores cativos, conforme a proposta da CP. 

As Consultas tem prazo limitado para participação, o que muitas vezes, dificulta a participação. Está em especial foi aberta no 27 de outubro de 2022 e fica disponível para participação até o dia 12 de dezembro deste mesmo ano.

Como participar?

Se interessou em participar do processo? Deixo aqui o Procedimentos para participação em Consultas Públicas que esta disponível no site da ANEEL. As contribuições devem ser encaminhadas, dentro do período acima, para o email cp050_2022@aneel.gov.br.

Nossa participação é importante para que possamos poder questionar e atuar no dia a dia da Engenharia.

Gostou deste conteúdo? Veja também este artigo sobre Engenharia de Manutenção.

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese

WORKSHOP ENGENHEIRO PERITO

Conheça o método que engenheiros de todo o Brasil estão usando para trabalhar na justiça recebendo de R$4.375,00 á R$11.547,00.
Sem prestar concurso público!

Fique tranquilo, não enviamos spam!