BDE News

Assine a nossa newsletter

Digite o seu e-mail para receber a nossa newsletter.

Não se preocupe, não fazemos SPAM
Categorias

ONDE e COMO um engenheiro pode atuar com RODOVIAS?

O Brasil possui mais de 1,7 milhão de km de estradas e rodovias. Nossa malha rodoviária é uma das maiores do mundo e isso significa “OPORTUNIDADE DE EMPREGO” tanto para engenheiros quanto para outros milhares de profissionais.

Fonte: o autor.

Relação entre Profissional / Mercado de Infraestrutura Rodoviária

O mercado de Rodovias é amplo e garante inúmeras possibilidades. Dentre algumas opções destaco em lista as oportunidades relacionadas para um Engenheiro:

CONCESSIONÁRIA:
  • Projetos;
  • Obras;
  • Planejamento;
  • Conservação;
  • Meio Ambiente;
  • Desapropriação.
CONCURSO PÚBLICO (DER, DNIT, Prefeituras e outros):
  • Gestão de Obras;
  • Análise de Projetos;
  • Planejamento Público.
EMPREENDEDOR:
  • Projetista;
  • Consultor Técnico;
  • Perito;
  • Gestão de equipe de Manutenção.

Como encontrar vagas?

A dica de ouro desse artigo está nesse tópico. Basta você buscar pelas empresas que estão envolvidas com grandes projetos e entrar em contato para conhecer as oportunidades.

Concessões, editais e processos são divulgados no diário oficial. Com poucos minutos na internet é possível ter acesso aos vencedores de cada licitação. Daí é só entrar no google e estabelecer relação com coordenadores, RH, e funcionários. O networking é a chave do negócio.

Fonte: o autor.

Nos sites dos DER de cada estado, DNIT e prefeituras as licitações são transparentes, então fica fácil se conectar aos responsáveis por cada empresa.

Um conselho bem simples é manter o LinkedIn atualizado e por meio da plataforma, se conectar a pessoas que estão envolvidas com projetos e obras na área de interesse.

Qual o melhor regime de atuação?

Em quase todas as profissões você pode atuar como CLT, autônomo ou concursado. A escolha varia de acordo com o momento de vida do profissional e suas ambições.

Um profissional autônomo tem liberdade para decidir seu nicho de atuação, horários, clientes, metas e outras definições. Em contrapartida não possui uma renda fixa que pode ser convertida em planejamento.

Já uma pessoa que trabalha como CLT, possui benefícios oferecidos pelo regime (plano de saúde, VL, VR e outros), tem uma certa segurança quanto a renda certa no final do mês, mas não consegue ampliar seus ganhos exponencialmente assim como um empreendedor.

Por fim temos ainda o profissional concursado (Prefeituras, DER, DNIT e outros). Esta opção é para aquele profissional que deseja estabilidade e desafios limitados ao plano de governo que estiver em vigência. São profissionais de grande relevância no mercado, principalmente aos olhos de empresas privadas, porque possuem conhecimento em aos poderes concedentes.

Engenheiro RECÉM-FORMADO tem oportunidade em Rodovias?

CLARO! Se entendermos que o mercado está em expansão e que a quantidade de profissionais em atividade não serão suficientes para as demandas dos próximos anos podemos enxergar o cenário.

Os planos de concessão que estão saindo do papel irão mais que duplicar a malha rodoviária concedida em nosso país.

Isto implica em dobrar a quantidade de profissionais responsáveis por projetos, obras, conservação e planejamento.

Porém o simples fato de existirem oportunidades não garante vaga para qualquer um. É necessário o mínimo de conhecimento técnico para oferecer, além de soft skills.

Há riscos quanto ao segmento de Rodovias?

Desde meados do século passado nós desenvolvemos nossas rodovias e a grande maioria se encontra em estado regular, ruim ou péssimo. Então sempre haverá mercado para profissionais de rodovias em nosso país.

Quanto às concessões que estão em alta e são uma ótima solução para diversos problemas precisamos ter os olhares atentos à gestão do país. Governos que não apoiam a privatização e não entendem a importância do segmento para o desenvolvimento da nação podem comprometer a integridade dos contratos e colocar em risco a posição dos profissionais.

Fonte: o autor.

É importante manter o olhar sempre atento às projeções do mercado e acompanhar o desenvolvimento das empresas que estão se destacando atualmente.

Rodovias são uma ótima opção para quem pretende trabalhar em prol do desenvolvimento da Nação. O engenheiro que trabalha com estradas tem milhares de clientes diariamente usufruindo das suas obras diariamente, um pouco diferente do cenário da construção civil!

Eng. Lucas Ribeiro

Este artigo foi produzido pelo Eng. Lucas Ribeiro. Colunista do Blog da Engenharia do tema Infraestrutura Rodoviária.

Quer ler mais artigos do nosso colunista, clique no link a seguir: Eng. Lucas Ribeiro

Diariamente tem conteúdo novo nas redes sociais do colunista, então crie conexão e venha aprender mais sobre Rodovias de forma descomplicada:

Instagram: https://www.instagram.com/rodo.vias/?hl=pt-br

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/lucasalvesribeiro/

E-mail: lucasribeiroengenharia@gmail.com – WhatsApp: (37) 99875-9668

Total
1
Shares
4 comentários
  1. Parabéns pelo artigo! Claro, objetivo, de uma leitura deliciosa que instiga o profissional a buscar essa vertente tão bacana da engenharia…

    1. Obrigado pelo feedback.
      Com toda certeza é uma opção onde não há concorrência como em construção civil e possibilita uma carreira longa.

  2. Na Agronomia, se tem cadeiras de estradas rurais, visto muitas vezes com muita simplicidade. Fico pensando, nos profissionais que atuam na parte de rodovias, deve ser desafiador!

    1. Infelizmente na Engenharia Civil não é diferente. Temos poucas matérias, bem superficiais e que não abrem o olhar do estudante para as infinitas possibilidades que o mercado oferece!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas
pt_BRPortuguese

WORKSHOP ENGENHEIRO PERITO

Conheça o método que engenheiros de todo o Brasil estão usando para trabalhar na justiça recebendo de R$4.375,00 á R$11.547,00.
Sem prestar concurso público!

Fique tranquilo, não enviamos spam!