Categorias

EcoNoroeste inicia atividades que vão durar 30 anos!!! (Até 2053)

Empresa EcoNoroeste vai operar inicialmente 442 km de rodovias e outros 158 km serão adicionados em 2025 (600 km totais). A previsão de investimentos é de R$ 13,9 bilhões, sendo R$ 10 bi para obras de ampliação e melhorias e R$ 3,9 bi destinados a operações das vias.

Fonte: https://www.econoroeste.com.br/wp-content/uploads/sites/2/2023/04/1DJI_0101-scaled-1.jpg

Principais obras contratuais da EcoNoroeste

O leilão do trecho Noroeste Paulista aconteceu em 18/09/2022 e vai garantir 26 mil empregos diretos e indiretos somente nos 5 primeiros anos da concessão. Dentre todas intervenções previstas no contrato da concessão as que mais se destacam são:

  • 123 km de duplicações;
  • 95 km de faixas adicionais;
  • 26 km de marginais;
  • 75 km de ciclovias;
  • 37 dispositivos;
  • 42 passarelas;
  • 17 bases de serviço de atendimento ao usuário (SAU);
  • 3 balanças fixas;
  • 3 pontos de paradas de descanso (PPD);
  • 300 câmeras de monitoramento.

NOVIDADES!

A novidade da que todos motoristas esperavam no mundo das concessões CHEGOU: a EcoNoroeste aceitará pagamento de tarifa por meio de cartões de crédito ou débito!

A concessão também irá trabalhar com Sistema Automático Livre. O que é isto?

Entre o 2º e 7º ano da concessão as praças de pedágio serão substituídas por pórticos de pagamento automático. A cobrança será feita por TAG sem que seja necessário o veículo parar em uma cabine e realizar o pagamento com moeda em espécie. Mas e o risco de inadimplência?

Caso aconteça, o responsável será o Poder Concedente. Assim a concessão trabalha de forma segura, garantindo ao investidor que o compromisso da tarifa será recebido.

Enquanto as cabines funcionarem os veículos que optarem pela cancela automática serão recompensados com 5% de desconto no valor da tarifa.

Para completar o pacote de vantagens a concessionária irá disponibilizar o desconto por usuário frequente que pode garantir até 95% de desconto ao usuário que passar no pedágio no mesmo sentido, com a mesma placa, por vezes repetidas dentro de um período de tempo.

Motocicleta paga tarifa na EcoNoroeste?

A cobrança de tarifa para motociclistas está prevista no contrato da concessão da EcoNoroeste, com valor estipulado em 50% do valor para carros de passeio. e o pagamento poderá ser realizado em dinheiro, cartão por aproximação, no débito ou crédito!

Várias pessoas questionam a cobrança para motociclistas pelo baixo impacto do veículo sobre o pavimento, porém é necessário entender que não se cobra apenas pelo desgaste causado ao pavimento e sim por toda a infraestrutura e atendimento que estão garantidos também aos motociclistas.

Somente no primeiro trimestre de 2023 foram registrados 670 atendimentos a motociclistas no trecho da concessão. Este dado reflete a importância da cobrança. Caso não fosse realizada a cobrança da tarifa aos motociclistas este valor deveria ser distribuído aos demais veículos, uma vez que não se pode negar atendimento aos usuário da via.

Redução média de 9% na tarifa

A tarifa das praças de pedágio terão seu valor reduzido em média de 9%, a depender do local da praça de pedágio da EcoNoroeste. Abaixo segue uma lista com os locais das praças e valores das tarifas antes/depois da concessão (1º de maio de 2023):

  • Araraquara – SP-310 – km 282+400: abaixou de R$ 20,70 para R$ 19,90;
  • Agulha – SP-310 – km 346+400: abaixou de R$ 13,80 para R$ 12,00;
  • Catinguá – SP-310 – km 398+500: abaixou de R$19,50 para 17,20;
  • Dobrada – SP-326 – km 307+600: abaixou de R$ 10,70 para R$ 9,80;
  • Taiuva – SP-326 – km 357+000: abaixou de R$ 9,80 para R$ 8,90;
  • Jaboticabal – SP-333 – km 110+500: abaixou de R$ 16,80 para R$ 15,30;
  • Itápolis – SP-333 – km 179+700: abaixou de R$ 9,40 para R$ 8,50.

Raio-x da Eco!

A EcoNoroeste é uma empresa do grupo EcoRodovias e inicia suas atividades em 1º de maio de 2023. Em seu escopo de trabalho está a concessão de 5 rodovias do interior paulista, com estimativa de fluxo de 80 mil veículos.

A empresa será responsável pela concessão da região de São José do Rio Preto, Araraquara, São Carlos e Barretos. O segmento da concessão anteriormente estava sob gestão da AB Triângulo do Sol e a Tebe, sendo que a parte da AB será transferida em 2023 e o trecho da Tebe será entregue em 2025.

  • SP-310: Rodovia Washington Luís de São Carlos a Mirassol, do km 227+800 ao 454+300;
  • SP-323: Rodovia José Della Vechia/Orlando Chesini Ometto de Pirangi a Taquaritinga, do km 0 ao 44+100;
  • SP-326: Rodovia Brig. Faria Lima de Matão a Barretos, entre os km 293 e 379+266;
  • SP-333: Rodovia Carlos Tonani, Nemésio Cadetti, Laurentino Mascari e Dr. Mario Gentil de Sertãozinho a Borborema, entre os km 83+020 e 212+450;
  • SP-351: Rodovia Comendador Pedro Monteleone de Bebedouro a Catanduva, do km 151 ao 218+020.

A EcoRodovias administra 10 concessões que somam mais de 4 mil km de extensão em 8 estados do Brasil. Assim sendo, se mostra uma empresa com credibilidade no mercado.

Link de acesso a página da EcoRodovias: https://www.ecorodovias.com.br/

Link de acesso a página da EcoNoroeste: https://www.econoroeste.com.br/

Fonte: https://www.econoroeste.com.br/

O que dizem os grandes nomes do mercado sobre a EcoNoroeste?

“Nós temos que celebrar os investimentos que são feitos no Estado de São Paulo. São bilhões de reais que farão a diferença para o usuário. A parceria com o setor privado é fundamental, porque conseguimos trazer mais investimentos, com mais eficiência e em menos tempo”.

Tarcísio de Freitas – Governador de São Paulo (Ministro de Transportes durante Governo Bolsonaro).

“Essa assinatura é mais um passo que damos na nossa política de concessões e que reforça a convicção do Governo de São Paulo nas parcerias com a iniciativa privada”.

Rafael Benini – Secretário de Parcerias em Investimentos.

“Essa concessão trará investimentos importantes para modernização da malha viária com obras e uso de novas tecnologias que garantem mais segurança e agilidade ao tráfego. Outro benefício importante aos motoristas será a redução das tarifas de pedágio, principalmente para aqueles que utilizam as rodovias com mais frequência”.

Milton Persoli – Diretor-Geral da Artesp,

“Eu faço mais investimento, eu contrato mais gente, eu gero mais dinheiro e eu ainda abaixo a tarifa. É isso que o capital privado faz. Aqui nós temos o programa de concessão de rodovias mais bem sucedido do mundo”.

Tarcísio de Freitas – Governador de São Paulo (Ministro de Transportes durante Governo Bolsonaro).

Como acionar a EcoNoroeste?

O telefone de contato da EcoNoroeste será o 0800 326 3663. Este número atenderá também via WhatsApp, sendo possível solicitar atendimento, pedir informações de trânsito e fazer qualquer outro acionamento emergencial.

Uma concessão como a EcoNoroeste gera melhorias que transformam a comunidade local. Com foco em gerar segurança e conforto aos usuários a concessionária também gera oportunidades ao melhorar as condições das vias (saúde, educação, lazer e outros). Então a sociedade deve se alegrar com o projeto e entender quais são seus direitos e deveres para usufruir ao máximo do que a empresa tem a oferecer.

Eng. Lucas Ribeiro.

Este artigo foi produzido pelo Eng. Lucas Ribeiro. Colunista do Blog da Engenharia do tema Infraestrutura Rodoviária.

Quer ler mais artigos do nosso colunista, clique no link a seguir: Eng. Lucas Ribeiro

Diariamente tem conteúdo novo nas redes sociais do colunista, então crie conexão e venha aprender mais sobre Rodovias de forma descomplicada:

Instagram: https://www.instagram.com/rodo.vias/?hl=pt-br

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/lucasalvesribeiro/

E-mail: lucasribeiroengenharia@gmail.com – WhatsApp: (37) 99875-9668

Postagens Relacionadas
Pericia na Engenharia
consulte Mais informação

Perito Judicial de Engenharia: conheça mais sobre essa carreira

Todos os engenheiros e agrônomos, formados e ativos no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), têm habilitação para emitir relatórios e laudos técnicos. Entretanto, para atuar como perito é necessário conhecimentos adicionais na área principalmente para entender como funciona o sistema judiciário brasileiro, os direitos e deveres do perito, e a forma correta de direcionamento e apresentação do trabalho. Conheça mais lendo o artigo!